Os direitos dos filhos

Os direitos dos filhos

  • Os direitos dos filhos começam na escolha de um casal idôneo que será excelente pai e mãe e este é o melhor e mais precioso presente que se pode dar aos filhos.
  • Dar-lhes bons nomes, já que serão chamados e conhecidos por seus nomes.
  • Educá-los bem e ensiná-los a amar o Islam, seus valores e princípios. O Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam com ele) disse: “Todos sois responsáveis por vós mesmos e os demais; o governador é responsável por si mesmo e seu povo; o homem é responsável por si mesmo e sua família; a mulher é responsável por si mesma e sua família; o empregado é responsável por si mesmo e seu trabalho, todos vós sois responsáveis por vós mesmos e respondereis por vossas responsabilidades” (Bukhari, 2416 e

Muslim, 1829). Os pais devem educar seus filhos atendendo a uma ordem de prioridades; assim, começam a educá-los numa crença verdadeira e pura, livre de idolatria e inovações; depois, a adoração, especialmente as orações; então, os bons modos e as virtudes. A educação é dar obras mais nobres ante Allah.

  • A manutenção: o pai deve manter a todos os filhos por igual e fazê-lo da melhor maneira possível, na medida de sua capacidade. O Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam com ele) disse: “Faz mal suficiente aquele que descuida do sustento de sua família” (Abu Dawud, 1692). O Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam com ele) também disse, a respeito do cuidado e manutenção da família: “Quem cuida e mantém suas filhas será salvo do Fogo graças a elas” (Bukhari, 5649 e Muslim, 2629).
  • É um dever julgar com equidade entre os filhos, tanto filhos quanto filhas, como disse o Mensageiro de Allah (que a paz e as bênçãos de Allah estejam com ele): “Temei a Allah e sê equitativos com vossos filhos” (Bukhari, 2447 e Muslim, 1623). Está proibido dar preferência a um gênero ou outro, porque isso é causa de grandes males e ódio familiar.